MENU

sexta-feira, 4 de julho de 2014

O Que É Adorar

Texto-Base: Jo 4; 23-24 

Segundo Os Dicionários, Adorar É O Mesmo Que Venerar, Reverenciar, Idolatrar, Amar Excessiamente, Cultuar… Por Isso Somente Deus É Digno De Toda Adoração.
 O Que É Adorar A Deus
É Expressar O Que Sentimos, Diante Dele E Dos Homens, Não Apenas Com Palavras, Mas Principalmente Com Ações.

C.M. Algumas maneiras de adoração que a bíblia nos ensina.
 1. Adoração quebrantada e contrita
“O sacrifício aceitável a Deus é o espírito quebrantado; ao coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus.” (Salmo 51.17)
Quebrantar significa quebrar, amansar, domar, diminuir o vigor ou tirar a energia; debilitar-se, enfraquecer-se.
Quando Deus nos requer um coração quebrantado, ele nos ensina que não podemos adorá-lo enquanto não nos diminuirmos. João Batista diz em uma de suas declarações acerca de Jesus: “É necessário que Ele cresça, e eu diminua”. Deus só é engrandecido na vida de um crente, quando este crente aprende a se diminuir.
Para prestar uma oração quebrantada, precisamos ser sinceros diante de Deus, confessando que não podemos ser nada sem ele. Tudo que conseguimos, tudo que fazemos, todos os nossos sucessos vem dele. Devemos suplicar mais de sua companhia, afinal sem ele, não poderemos sequer acordar vivos amanhã. Muitos se esquecem disso.

2-Cânticos de louvor:

“Pois desde a antigüidade, já nos dias de Davi e de Asafe, havia um chefe dos cantores, e havia cânticos de louvor e de ação de graça a Deus.” (Neemias 12.46)
Louvor é adoração e exaltação. O cristão precisa adorar a Deus, separando momentos especiais para declarar as suas grandezas. Elogiar ao senhor. Todo pai gosta de ser elogiado por seus filhos, toda criatura deve elogiar a o criador.
A bíblia esta cheia de passagens que demonstram pessoas adorando através de cânticos.
O livro de Salmos por exemplo é basicamente um livro com letras de musicas que eram entoados  a Deus.
Nessas letras Deus adorado, engrandecido, exaltado por suas vitórias concedida ao seu povo.

3. Adoração com ofertas e dízimos

“Tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome; trazei oferendas, e entrai nos seus átrios.” (Salmo 96.8)

Estude todo o salmo 96. É maravilhoso e completo o convite do salmista, para o povo adorar a Deus. Porém neste versículo 8, o salmista é claro em suas palavras. A igreja deve adorar a Deus mexendo com um dos maiores “ídolos” já existente em toda a humanidade – o dinheiro.

Um adorador verdadeiro precisa ser liberal. Não pode estar amarrado ao materialismo e aos bens deste mundo. O verdadeiro adorador deve ser capaz de repetir as sábias palavras de Jó:

“Então Jó se levantou, rasgou o seu manto, rapou a sua cabeça e, lançando-se em terra, adorou; e disse: Nu saí do ventre de minha mãe, e nu tornarei para lá. O Senhor deu, e o Senhor tirou; bendito seja o nome do Senhor. Em tudo isso Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma.” (Jó 1.20-22)

Jó entendia que nada levaria desta terra. O cristão que não entrega os dízimos e as ofertas a Deus, não está pronto para adorar. Absolutamente, não está preparado. Muitos cristões são “uma bênção” dentro da igreja, mas são idólatras, avarentos. Idolatram seu dinheiro, seu dízimo, seus bens.
Conforme está escrito:Espalhou, deu aos pobres;a sua justiça permanece para sempre.
Ora, aquele que dá a semente ao que semeia, também vos dê pão para comer, e multiplique a vossa sementeira, e aumente os frutos da vossa justiça;
Para que em tudo enriqueçais para toda a beneficência, a qual faz que por nós se dêem graças a Deus. 2 Coríntios 9:9-11

4- Em Espirito e em Verdade: Isto consiste mudança de vida, mudança de atitude.
Temos a responsabilidade  de ser exemplo para outros, de mostrar o amor de Cristo.
O apóstolo Paulo descreve perfeitamente a verdadeira adoração em Romanos 12:1-2: “Portanto, irmãos, rogo-lhes pelas misericórdias de Deus que se ofereçam em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus; este é o culto racional de vocês. Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

Anunciando a Cristo: Quando a mulher Samaritana entendeu o que era adoração, imediatamente começou a adorar.
Sai rapidamente da presença de Jesus e foi anunciar em sua cidade a respeito de um homem chamado Jesus que e era o salvador do mundo.
E nisto vieram os seus discípulos, e maravilharam-se de que estivesse falando com uma mulher; todavia nenhum lhe disse: Que perguntas? ou: Por que falas com ela? João 4:27
Não é de admirar porque os discípulos ficaram admirados porque Jesus estava falando com uma mulher samaritana?
Isto na verdade demonstra que eles não tinham entendido o que era a verdadeira adoração ainda.
 Se estavam admirados é porque não praticavam evangelismo com pessoas diferentes.
Quando isto acontece  é uma lastima, porque somos chamados para adorar, e o pai procura estes verdadeiros adoradores.

C. Cabe aqui uma reflexão, como esta nossa vida de adorador?  Deus se agrada da nossa adoração? Estamos adorando em Espirito e Verdade?

Deus abençoe sua vida!


Pastor Luciano Silveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comente aqui

PALAVRA DE VIDA