MENU

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Cisternas Rotas


“Porque o meu povo fez duas maldades: a mim me deixaram, o manancial de águas vivas, e cavaram cisternas, cisternas rotas que não retêm as águas”. (Jr 2.13)

Resultado de imagem para cisternas rotasInt.O profeta Jeremias viveu nos anos entre 627 e 587 a.C. Foi profeta durante quarenta anos, profetizando a Judá e as nações gentílicas. Jeremias nunca casou. Viveu no reinado de Josias, ocasião em que houve um avivamento, ainda que de pouca duração; no reinado de Zedequias, que apesar de gostar de ouvir o profeta, não colocava em prática o que ele falava; também do rei Jeoaquim que desprezava as suas palavras e inclusive tentou matá-lo. O povo de Judá estava afastando-se de Deus, este então enviou Jeremias para falar do perigo que estava incorrendo em não voltar para a fonte de águas, que é o próprio Deus. Por quarenta anos Jeremias denunciou o pecado do povo e os chamou ao arrependimento, sofrendo por isso severas privações. Foi lançado na prisão por duas vezes (Jr 37,38), foi levado forçadamente para o Egito (Jr 43), foi rejeitado por seus vizinhos (Jr 11.19-21), sua família (Jr 12.6), e pelos reis (Jr 36.23). O profeta Jeremias era rejeitado e odiando por muitos por fala a verdade em nome do senhor Deus.

C.M. O povo estava a cada dia se distanciando de Deus, suas maldades eram constantes e crescentes.
Portanto diz alerta que o povo havia cometido duas maldades: a mim me deixaram o manancial de águas vivas, e cavaram cisternas.
1- O POVO ABANDONOU O SENHOR, A FONTE DE ÁGUAS VIVAS: Deus é a fonte de água viva, nossa vida depende dele. Sem Deus você não vive. Deus é a fonte de vida abundante, Deus não é uma cisterna, mas uma fonte. Uma cisterna apenas armazena água, mas uma fonte produz água. A água corre da fonte. A fonte é inesgotável. A fonte tem água viva, água limpa, água cristalina, água que flui abundantemente. Isso é um símbolo da vida que Cristo nos oferece. Quem nele crer tem uma fonte a jorrar para a vida eterna. Quem nele crer nunca mais terá sede.
Quem bebe da água da vida que é Jesus tem sua alma saciada pela graça de Deus.
-A mulher samaritana quando bebeu desta água teve sua vida inundada pelo o amor e perdão de Jesus.
-Sentiu uma alegria da qual nunca havia sentido antes.
-Viu sua vida ganhar um novo sentido.
-Suas esperanças e sonhos se renovaram.
-Sua vida sentimental foi restaurada.
-Tornou-se uma evangelista.
O abandono a Deus começou de forma lenta, pouco a pouco.
Judá abandonou o Manancial de águas vivas. Foi uma rejeição lenta, por dias sem fim. Um esquecimento despercebido, devagar, aos poucos: cedendo um pouco aqui, um pouco ali; não falando de Deus aos filhos conforme ordenava a lei mosaica; levando um cordeiro desqualificado para o sacrifício, realizando um ritual vazio, sem sentido espiritual, apenas na aparência; esqueceram das ofertas alçadas; esqueceram dos pobres e necessitados; perderam-se na prostituição.
Tem sio assim hoje também, o abandono é lento.
Falta disposição para ir a Igreja, sobram desculpas para se justificar e etc.

2- O POVO DE DEUS CAVOU CISTERNAS ROTAS QUE NÃO RETEM AS ÁGUAS: Cisterna, vem do hebraico “bor”: lugar cavado, poço. É um termo usado 67 vezes no Antigo Testamento, e a cisterna era um lugar onde era guardada água potável. A maioria dessas cisternas eram reservatórios cobertos, escavados na terra ou na rocha, para onde escorria o excesso das águas da chuva e guardadas para serem usadas no período da seca na Palestina que abrangia entre maio e setembro. Uma cisterna seca e abandonada podia ser usada como cárcere, conforme vemos com José e com Jeremias (Gn 37.22; Jr 38.6). Por sua vez, cisternas rotas eram cisternas rachadas, que não guardavam a água e não a mantinham limpa. Qualquer viajante que se aproxima de uma cisterna rota percebe que não há água potável. Apesar de todo trabalho dos que a escavaram, foi inútil, pois não há esperança nessa cisterna para os que a procuram.
- Cisternas rotas é a maneira humana de satisfazer suas necessidades espirituais. É claro que não vai dar certo.
- Cisternas rotas falam da constante inversão de valores entre os cristãos pós modernos. O que era pecado, já não é mais. O que dantes prejudicava, agora parece fazer bem.
Resultado de imagem para cisternas rotas-Cisterna rotas é cavar, trabalho árduo e não se satisfazer. Assim é a vida de quem tenta andar sem a direção de Deus.
Muito esforço, trabalho duro e ainda assim com muita sede na alma.
O filho pródigo sai da casa do pai porque estava insatisfeito, passou a mendigar o alimento que tinha em abundancia na casa do pai.
Israel todas as vezes que abandonou a casa do pai foi parar no cativeiro ou então era saqueada pelo inimigo.
Na cisternas rotas não se toma água cristalina, toma-se lodo, podridão que fazem mal a saúde.
Eu e você somos cisternas, recipientes onde é armazenado a graça de Deus, mas o pecado nos afasta da fonte que é Deus e nos tornamos rotas, ficando apenas lama em vez de água cristalina.  

C. Até quando vamos morrer de sede, se Cristo nos oferece água que jorra para a vida eterna?
João 4:14 aquele, porém, que beber da água que Eu lhe der nunca mais terá sede. Ao contrário, a água que Eu lhe der tornar-se-á nele uma fonte de água jorrando para a vida eterna.”

Deus abençoe sua vida!


Pastor Luciano Silveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comente aqui

PALAVRA DE VIDA