MENU

domingo, 17 de abril de 2011

Perseverançar 4º Degrau para o Sucesso


Perseverar no Senhor 4º Degrau para o Sucesso

"E não somente isso, mas também gloriemo-nos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a perseverança, e a perseverança a experiência, e a experiência a esperança; e a esperança não desaponta, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado." Rm 5:3-5
perseverar - Conjugar
(latim persevero, -are, persistir, perseverar)
v. intr.
1. Continuar, persistir numa opinião, num costume que seja bom.
2. Conservar-se firme, constante (num sentimento, numa resolução).
5281 upomonh hupomone

de 5278; TDNT-4:581,581; n f

1) estabilidade, constância, tolerância
1a) no NT, a característica da pessoa que não se desvia de seu propósito e de sua lealdade \a fé e piedade mesmo diante das maiores provações e sofrimentos
1b) pacientemente, firmemente
2) paciente, que espera por alguém ou algo lealmente
3) que persiste com paciência, constância, e perseverânça
 Exemplo: JOSUÉ E CALEBE Após terem espiado a terra. Calebe diante da promessa de conquistar Hebrom, Js. 14:6-13
Josué diante da instabilidade do povo de Israel: Js. 14-15
Este texto mostra que devemos nos alegrar quando passamos por tribulações, pois elas dão início a uma seqüência que renova em nós a esperança da glória de Deus.

Quando estamos no Senhor e as tribulações vem sobre nós, o Espírito Santo produz em nós perseverança, ou seja , a capacitação para permanecermos firmes no Senhor a toda prova.

Quando perseveramos em meio a tribulação é produzida a experiência. Esta não é uma experiência circunstancial da qual se diz: " Ah.... Já passei por isso, agora posso aconselhar outros." , mas sim uma experiência com o Senhor. Veremos o seu poder operando em nosso favor, nos dando paz, consolo, edificação, provisão, vitória, etc.

Quando experimentamos do Senhor e meio a tribulação a nossa esperança se renova, somos edificados e podemos, cheios do Espírito Santo, ir adiante no caminho.

TRIBULAÇÃO - PERSEVERANÇA - EXPERIÊNCIA - ESPERANÇA

Isto ocorre sempre em nossa vidas. Por isso Paulo nos diz que a tribulação produz em nós eterno peso de glória.

Este princípio na vida da Igreja

Aqui descobrimos também um princípio tremendo, que operava profundamente na vida da igreja primitiva. ( e por ser princípio, opera ainda hoje )

A Igreja que vemos na bíblia era cheia de esperança, cheia de experiências com o Senhor e cheia do Espírito Santo ( fruto e dons ).

O Sobrenatural operava freqüentemente na vida deles:

    Pedro e João na porta Formosa - At 3:1-9
    O tremor no templo - At 4:31
    Enfermos eram curados - At 5:12-16
    Um anjo liberta Pedro e João - At 5:18-20
    Pedro é solto milagrosamente - At 12:5-11
    Filipe é trasladado - At 8:39-40
    Paulo e Silas soltos dos grilhões - At 16:25-26

E muitas outras situações onde experimentavam do poder de Deus

Mas também era uma igreja muito perseguida. Ser cristão era caso de morte.

At 8:1
"Naquele dia levantou-se grande perseguição contra a igreja que estava em Jerusalém; e todos exceto os apóstolos, foram dispersos pelas regiões da Judéia e da Samária."

At 12:1-3
"Por aquele mesmo tempo o rei Herodes estendeu as mãos sobre alguns da igreja, para os maltratar; e matou à espada Tiago, irmão de João. Vendo que isso agradava aos judeus, continuou"

( E muitos outros... )

Era perseguição mesmo :

    Precisavam se reunir escondidos
    Os soldados entravam pelas casas prendendo os irmãos.
    Eram mortos pela espada, esquartejados, enforcados, jogados em óleo fervendo, iam para a arena dos leões, etc.

Agora vem a pergunta: Qual a ligação entre estas duas características da igreja ?

A resposta está exatamente no princípio do qual estamos falando:

=> Eles perseveravam em tudo no Senhor!

Vemos então o princípio de Rm 5:3-5 sendo aplicado na vida da Igreja.

Perseverar significa permanecer firme

Assim vemos em Mt 7:24-25 o melhor exemplo de perseverança.

=> A casa sobre a Rocha é a figura da perseverança

Vieram os ventos , as águas , mas ela permaneceu firme, pois estava edificada sobre a Rocha.

Esta atitude era notória na igreja primitiva :

At 2:40-42
"E com muitas outras palavras dava testemunho, e os exortava, dizendo: salvai-vos desta geração perversa. De sorte que foram batizados os que receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas; e perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações."

Vemos então que perseverar é permanecer em Cristo e isto é uma ligação fundamental para experimentarmos Jesus em nossas vidas.

Em que eles perseveravam ?

    Na doutrina dos apóstolos

        Nos ensinamentos dos apóstolos ( At 5:42 )
        Nas bases do que eles criam, nos fundamentos ( Hb 6:1-2 )
        Não negavam nem questionavam os ensinamentos, mas procuravam aprender, se dedicavam ao estudo da palavra , compreender as verdades de Deus, oravam a respeito. ( At 6:4 )
        E assim, porque eles perseveravam na doutrina, o Espírito Santo lhes proporcionava revelação da Palavra e experiência , de modo que o plano de Deus para eles era simples e claro.

    Na comunhão

        "Era um o coração e a alma dos que criam" ( At 4:31 )
        Estavam sempre juntos, reunidos nas casas e no templo ( do lado de fora ).
        Dependiam uns dos outros, havia um relacionamento intenso entre os discípulos.
        Comiam juntos, freqüentavam as casas uns dos outros, amavam uns aos outros, oravam uns pelos outros.
        Eles se dedicavam a isso, se empenhavam nisso, e o Espírito Santo enriquecia os relacionamentos produzindo experiências tremendas como a de Pedro que foi libertado da prisão e imediatamente procurou os irmão que oravam por ele. ( At 12:12-17 )

    No partir do pão

        Isto não significa somente que eles comiam juntos, mas que repartiam tudo o que tinham.
        Ninguém passava fome, ninguém era rico ou pobre ( tinham tudo em comum )
        Ninguém considerava seu aquilo que possuía, mas do Senhor.
        E a Palavra nos mostra que eles perseveravam também nesta questão e o Senhor cuidava de todos , de modo que não havia necessitados entre eles. (At4:31-37)

    Nas orações

        Como precisamos aprender com eles esta questão da oração. A vida de oração, a necessidade de oração.
        Parece que eles estavam sempre orando.
            Após se converter, Paulo se pôs em oração - At 9:11
            Cornélio estava orando e o Senhor enviou Pedro - At 10:30
            Pedro estava orando e teve visão do lençol - At 10:9
            Oravam em todo lugar - At 16:3
            Oravam para que as pessoas recebessem o Espírito Santo - At 8:14-15
            Oravam antes de enviar os apóstolos - At 13:2-3

        Aqui não estamos falando de orar eventualmente, ou quando aparece uma situação difícil, estamos falando de vida de oração.
        Orar pedindo, orar agradecendo, orar para conhecer a vontade de Deus, ora r para ser cheio do Espírito. ( isto é se entregar a Deus em oração )
        Como conseqüência disso o Espírito Santo operava sinais e prodígios através deles, concedia revelação, entendimento, profecias, curas, livramento, provisão e tudo mais.

Tribulação - Perseverança - Experiência (com Jesus) - Esperança

O Capítulo 29 do livro de atos está sendo escrito em nossos dias. Precisamos do Seu poder capacitando a igreja para toda boa obra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comente aqui

PALAVRA DE VIDA